Especialistas recomendam reforço da vacina da gripe para pessoas com mais de 60 anos

10/09/2022 Notícias | Saúde Saúde Livre Vacinas
[read_meter]

A Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) passou a recomendar uma segunda dose anual da vacina da gripe para grupos de maior risco. A decisão, anunciada nesta sexta-feira (09/09), não é uma diretriz formal, mas sim uma recomendação a profissionais da saúde para que reforcem a importância do imunizante contra o vírus Influenza.

Um dos motivos para a recomendação é a baixa adesão às companhas de vacinação recentes. Segundo o Sistema de Informação do Programa de Nacional de Imunizações (SI-PNI), do Ministério da Saúde, pouco mais de 60% das pessoas em grupo de risco tomaram a vacina contra gripe neste ano. A taxa é considerada insuficiente e fica muito abaixo dos 90% registrados nos últimos 10 anos.

No ano passado, o órgão já registrou uma queda significativa, com cobertura vacinal de apenas 67% da população de risco – até então, a mais baixa já catalogada em 16 anos.

Mesmo tomando a vacina anualmente, a imunidade conferida pela dose cai ao longo do tempo. Por isso, o ideal para manter a proteção é repetir a dose a partir de três meses após a primeira.

Os grupos que mais se beneficiariam de uma nova vacina são crianças de seis meses até cinco anos, idosos acima de 60 anos, gestantes, puérperas, trabalhadores da saúde, indígenas, portadores de comorbidades e professores

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de um bilhão de casos de influenza são notificados no mundo. Entre as pessoas afetadas, até 650 mil vão evoluir a óbito. Além disso, a faixa etária mais atingida é a de 75 anos ou mais, com taxa de 223 mortes a cada 100.000 indivíduos.

Onde encontrar a vacina da gripe

A vacina da gripe está disponível em postos do Sistema Único de Saúde (SUS) e em clínicas e hospitais privados. A principal diferença entre elas é que, na rede pública, está disponível a vacina trivalente. Na rede privada, por outro lado, é possível encontrar a quadrivalente, que protege contra mais cepas do vírus Influenza.

Encontre uma unidade da Saúde Livre perto de você para garantir a proteção de sua família.

Posts relacionados

Vacinas para viagem: saiba quais destinos exigem e quais documentos levar

Assim como decidir o destino, adquirir as passagens e coordenar as datas, o cuidado com a saúde deve ser planejado com antecedência para evitar surpresas e garantir um passeio tranquilo. As vacinas para viagem, por exemplo, precisam ser tomadas pelo menos 15 dias antes para que tenham tempo de desenvolver a proteção.

[read_meter]
Saúde Livre Vacinas, 19 de junho de 2024

Se a vacina BCG não deixou marca no braço é preciso reaplicar?

A pequena cicatriz é comum e já esperada pelos pais quando o bebê recebe um dos seus primeiros imunizantes. Mas e se a vacina […]

[read_meter]
Saúde Livre Vacinas, 06 de junho de 2024

A importância da vacina de HPV para homens: estudo mostra queda nos casos de câncer

Enquanto a literatura médica tem documentado a redução significativa nos casos de câncer em mulheres imunizadas contra o papilomavirus humano, as pesquisas sobre os […]

[read_meter]
Saúde Livre Vacinas, 29 de maio de 2024